Inteligência Volitiva e Liderança

            ↺ Voltar

14

Como já comentamos aqui no blog, uma boa liderança é essencial para o sucesso de um empreendimento. Em outras ocasiões, falamos sobre a inteligência volitiva e sobre o conceito de homem integral, que é um homem que trabalha em equilíbrio com suas inteligências emocional, racional e volitiva.

Em seu livro “Inteligência Volitiva: A inteligência associada ao poder de realizar”, Eduardo Pacheco, fundador e CEO da Park Idiomas, fala sobre o desenvolvimento de um negócio liderado pelo homem integral.

Sua perspectiva engloba uma empresa energizada pelo espírito empreendedor: definindo estratégias, tomando decisões assertivas e colaborando para um ambiente conectado pelo poder dos relacionamentos. Segundo o autor, a sinergia entre as inteligências do gestor é refletida em um ambiente integrado e funcional. Esses conceitos, unidos, formam o diagrama da Organização Integral, composto pela mente organizacional, o espírito organizacional, o corpo organizacional e o amor na organização.

No livro, os gestores são encorajados a enxergarem suas organizações como uma árvore. No momento de sua criação, é plantada uma semente, que será germinada e adubada pelo espírito organizacional. A energia acaba influenciando as pessoas ao seu redor, criando processos de aderência tanto interna quanto externa (de parceiros e clientes).

O corpo organizacional representa o movimento físico da empresa e compreende processos, sistemas, máquinas e infraestrutura.  O amor na organização se faz presente por meio das relações entre os membros da empresa, os clientes e fornecedores. A mente organizacional, por fim, diz respeito à liderança. A mente é responsável pela administração do corpo e a manutenção das relações.

As lideranças possuem responsabilidades pela criação de planos de negócios (incluindo suas estratégias), o mix de produtos e serviços, análises de mercado, planos de marketing, vendas e finanças, enfim – tudo aquilo que a organização precisa para cumprir sua missão passa pelos olhos da liderança. Por isso, integralizar sua inteligência é essencial – só assim sua organização desenvolverá o potencial de se integralizar também e, então, colher os frutos do trabalho duro e responsável.

Sentiu vontade de se tornar um homem integral e ser uma liderança? Venha empreender com a Park Idiomas e desenvolva todas as suas potencialidades!