Por que ainda não somos fluentes em inglês?

            ↺ Voltar

Porque-não-somos-fluentes-em-inglês?

De acordo com uma pesquisa realizada pelo British Council em 2015, menos de 5% dos brasileiros conseguem se comunicar em inglês – e, destes, apenas 1% podem ser considerados fluentes. A qualidade do inglês falado pelos brasileiros é tão precária que nosso país ocupa a 41ª posição num ranking de 70 países elaborado pela EF Education First, que mediu a proficiência em inglês dos países que não tem a língua como idioma oficial. O Brasil acabou numa colocação abaixo de boa parte dos países latino-americanos, como México, Peru, Chile e Equador.

Se você pensa que um grupo reduzido de pessoas sofre com isso, está enganado! A deficiência do brasileiro em uma segunda língua tem prejudicado desde desempregados na busca por um cargo até executivos de grandes empresas, que encontram na barreira linguística uma imensa dificuldade na hora de representar suas empresas em congressos e eventos internacionais. Muitas pessoas dominam regras gramaticais e ortográficas, mas não possuem a capacidade de se expressar em diálogos e conversações mais complexas.

Esse fenômeno acontece porque boa parte da população brasileira não possui os recursos necessários para investir no aprendizado de uma segunda língua. Mas a precariedade do inglês no Brasil também pode ser explicada por um segundo fator: a metodologia adotada pela maioria das escolas. Seguindo os métodos utilizados no pós-Guerra Fria, as escolas de inglês, de forma geral, instrumentalizam o idioma e o ensinam segundo o modelo tradicional de educação, focalizando principalmente a gramática e deixando de lado o aspecto primordial da comunicação: a fala.

Na Park Idiomas, você descobre que falar é natural. O exclusivo Método Park prioriza a comunicação oral, ensinando o inglês da mesma forma com que se aprende o português – por meio da fala. Regras gramaticais e ortográficas são introduzidas apenas depois de garantir a segurança e a fluência do aluno no idioma – é como voltar para a escola! O resultado? Fluência alcançada em aproximadamente 140 horas/aula e o mais alto índice de satisfação do mercado, com 98% de aprovação dos alunos.

Quer fazer a diferença? Junte-se ao time Park! \0/